Erupção de Outubro de 2014

Ontakesan, Honshu, Japão

Segundo o Japan Meteorological Agency, uma erupção freática não esperada ocorreu no vulcão japonês Ontakesan às 11h e 52 min do dia 27 de setembro, após 11 minutos de tremores sísmicos e soerguimento da cúpula do vulcão detectado alguns momentos antes. A erupção produziu um fluxo piroclástico que se deslocou por mais de 3 km pelo flanco sul do vulcão e formou uma pluma de cinzas que ascendeu entre 7-10 km de altura dispersa na direção leste. A queda de cinzas foi intensa na área e atingiu 50 cm de espessura na área próxima das crateras. O Nível de Alerta foi elevado para 3.

Novos artigos no dia 1 de outubro informaram que 47 pessoas morreram no evento, a maior parte delas encontradas na área do cume, enquanto que outros estavam logo abaixo. Quase 70 pessoas foram feridas. Sobreviventes descreveram a forte queda de cinzas e fragmentos de rocha, além da total escuridão por vários minutos. O vulcão é famoso por suas trilhas de caminhadas e aproximadamente 300 pessoas estavam sobre a montanha naquele dia.

Terremotos próximos do cume tinham aumentado temporariamente durante os dias 10-11 de setembro e sinais de baixa frequência foram detectados no dia 14 de setembro. Após o evento, durante os dias 28 de setembro-1 de outubro, a sismicidade flutuou. Plumas de gases e cinzas ascenderam entre 300-400 metros acima das crateras e foram dispersas na direção sudeste e leste.

Fonte: Smithsonian/USGS Weekly Volcanic Activity Report


 

©2018 VULCANOtícias     -     Erupções | Vulcanologia | FotografiasFale Conosco

 

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?